Segurança da Informação

79030-estender-500-entenda-as-diferencas-entre-seguranca-da-informacao-e-seguranca-em-ti

Atualmente fala-se bastante sobre segurança e nossas informações digitais são alvos de assuntos polêmicos como espionagem e principalmente invasão. O maior risco que corremos de acesso não autorizado à nossas informações ainda é a invasão por terceiros. Infelizmente não existe uma forma de “blindar” nossas informações para ficarem 100% seguras contra acessos não autorizados, pois as contas de e-mail, redes sociais e demais serviços seguros que utilizamos estão constantemente sofrendo implementações e possuem algum tipo de vulnerabilidade que pode eventualmente serem exploradas por criminosos do mundo digital. Entretanto, seguindo algumas recomendações podemos implementar segurança e dificultar consideravelmente o acesso indevido ao nosso patrimônio digital:

Uma boa forma de começar é atualizar suas senhas. Nunca utilize senhas óbvias como data de nascimento, nome do seu cachorro ou nome da sogra. Uma senha considerada segura nos dias atuais, deve conter pelo menos 15 caracteres. Cria suas senhas intercalando letras (minúsculas e MAIÚSCULAS), números e caracteres especiais como (@#$%¨*§);

Nunca utilize a mesma senha para todos seus acessos. Crie senhas diferentes para seu e-mail, facebook, bancos, etc. Uma boa dica para facilitar a memorização de tantas senhas diferentes é utilizar parte da senha igual para tudo e modificar alguns caracteres o que lhe proporcionará exclusividade de senha para cada tipo de login;
Mude suas senhas periodicamente. Utilizar a mesma senha durante anos irá só aumentar o risco de alguém quebra-la (descobri-la);

O Facebook possui diversas implementações de segurança que podemos ativar para nos proteger. Você pode revisar suas configurações do Facebook acessando “configurações” que fica localizada na seta no topo da página do lado direito. Em seguida, do lado esquerdo da página, revise todos os itens de “Segurança e login” e “Privacidade”. Uma das configurações de segurança mais importante que você deve configurar corretamente é “Usar autenticação de dois fatores” que nada mais é que “uma camada extra de segurança para impedir que outras pessoas acessem a sua conta”, inclusive adicionando seu número de telefone para ser sempre alertado.

Ainda no Facebook, um outro recurso de segurança bastante interessante é a “Aprovação de login”. Funciona assim, você ativa e toda vez que utilizar o Facebook em computadores desconhecidos será enviado um “código de segurança” para seu celular para você confirmar no momento do login. Isso evita com eficiência o acesso não autorizado caso alguém consiga roubar sua senha. Aproveite para revisar as configurações de segurança em todas as suas redes sociais. No Whatsapp por exemplo, acesse as configurações do app, opção Conta, em seguida, “Verificação em duas etapas” e Ative esta opção. Você será solicitado a criar um PIN que é uma senha que sempre será solicitada caso você reinstale o aplicativo por exemplo. Isso evita fraudes e tentativas de clonagem do seu perfil no Whatsapp.

Sempre verifique o funcionamento de seu antivírus. Confira se ele está atualizando automaticamente. Não exponha seu equipamento a internet sem um bom antivírus para auxiliar na proteção;

No e-mail, caso receba algum conteúdo não solicitado, marque logo como spam para não receber novamente; Cuidado com e-mails que contenham anexos e links de origem desconhecida. Anexos e links deverão ser abertos apenas de procedência conhecida. Uma boa dica é antes de clicar no link que fizer parte do e-mail, colocar o cursor do mouse sobre o link e verificar na barra de status do navegador o real endereço de destino daquele link. Muitas armadilhas são feitas com links que disfarçam o real destino, um simples click pode infectar seu equipamento abrindo caminho para um invasor;

Antivírus não faz milagre, só porque você tem um antivírus instalado e atualizado não significa que você está 100% protegido. É preciso praticar bons hábitos de navegação. Visitar sites suspeitos como, endereços web com terminações desconhecidas, em outros idiomas, onde possam conter pornografia, jogos ou chamativos tipo “clique aqui” são em grande parte armadilhas para ativar algum tipo de software espião em seu computador ou smartphone. Cuidado com links te oferecendo formas de ganhar milhares de reais por semana trabalhando em casa, muitos deles são armadilhas para infectar seu equipamento. Sempre dê preferência a sites seguros, que você conheça a procedência e escolha bem onde irá clicar;

Evite redes sem fio públicas. Lanchonetes, praças, aeroportos sempre oferecem acesso wifi de graça, aberta, sem senha de autenticação. Essas redes são as primeiras a serem escolhidas por um hacker para invadir os dispositivos que nela estiverem conectadas. Portanto, utilize apenas redes wifi que ofereçam algum tipo de segurança;

Simples dicas podem nos tornar mais seguros nos dias de hoje onde praticamente tudo que fazemos no computador, tablet ou smartphone depende cada vez mais da internet.

Dê sua opinião, tire suas dúvidas, comente a vontade! Aproveite e compartilhe as dicas também com seus amigos e contatos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s